fbpx

Carreira de TI: 5 dicas para ter sucesso na área

A carreira de TI é uma das mais valorizadas do mercado, especialmente em um momento em que questões como Cloud Computing, Internet das Coisas e mobilidade entram em sintonia para redesenhar a forma de pensar o mundo. Sobretudo, o mundo dos negócios! Mais do que resolver problemas em TI, encontrar soluções estratégicas para as empresas é o grande desafio dos novos profissionais que entram no mercado todos os anos.

A área com mais vagas do que profissionais (uma pesquisa recente revelou que o Brasil precisará de 750 mil profissionais de TI até 2020) tem seus meandros e o sucesso está diretamente ligado a alguns conhecimentos obrigatórios! Quer saber quais? Então preste atenção em cada um dos tópicos a seguir:

1. Conhecer o mercado de TI e gerar ampliação das receitas

A era da TI como mero suporte operacional (felizmente!) se foi. Em um mundo em que quase todas as ações humanas passam pela Internet, a tecnologia passou a estar no centro do negócio (ou seria do mundo?), mensurando indicadores de desempenho, auxiliando no desenvolvimento de estratégias, disseminando marcas, interligando recursos, pessoas e equipamentos, entre muitas outras finalidades.

Em alguns casos, a TI está totalmente integrada ao business, como vemos no varejo on-line, por exemplo.

Se a tecnologia se tornou fator crítico para a obtenção de lucro, o profissional da área passou a ter novas incumbências, como:

  • Encontrar a arquitetura corporativa que melhor se encaixe nas particularidades do negócio de cada cliente
  • Propor a implementação de ferramentas de apoio à tomada de decisão e ser capaz de inserir a TI no planejamento estratégico das organizações (para ampliar sua competitividade no mercado).

Neste sentido, ter uma visão ampla da empresa é condição básica para se dar bem na carreira de TI.

Faz sentido se pensarmos que se você não conhece:

  • As dores dos colegas da contabilidade, que todos os anos são obrigados a ficar até tarde na empresa porque a escrituração dos demonstrativos contábeis é feita a partir de fontes perdidas em diversos sistemas (que não se comunicam);
  • Se você desconhece as dificuldades do jurídico em se atualizar constantemente em meio ao oceano de normas legais que se sobrepõe todos os dias (um sistema que importasse normativos reduziria em demasia esse sofrimento);

Se você não faz a menor ideia do que aumentaria a produtividade do pessoal das vendas, meu amigo, esqueça: suas chances de se consolidar na carreira são pequenas.

2. Estar antenado com metodologias ágeis de desenvolvimento

O ambiente de negócios é marcado, atualmente, pela extrema instabilidade. Em um lugar em que a única constante é a mudança, as metodologias tradicionais de desenvolvimento de softwares – mais adequadas para situações de maior previsibilidade e maior tempo disponível para entrega do projeto – passaram a ser relegadas em segundo plano.

Tais metologias foram deixadas para trás em nome de uma nova abordagem, mais moderna e dinâmica, voltada a ambientes em que requisitos são passíveis de alterações; em que prazos são curtos e equipes pequenas, com alta pressão dos clientes. Neste cenário caótico (o comum na maioria das empresas!), metodologias ágeis de desenvolvimento (como DevOps) tem ganhado espaço e são de conhecimento obrigatório para quem quer ter sucesso na área de TI.

Atualmente, as melhores ferramentas de suporte ao processo de desenvolvimento de softwares baseiam-se na cultura DevOPs, que tem por premissa a integração entre desenvolvimento (dev) e operações (ops). Estas ferramentas dão maior agilidade no processo de deploy, acabam com a competitividade entre time de infra e desenvolvedores, o que reduz incidentes, custos e riscos.

Sucesso na carreira de TI está intimamente ligado à capacidade do profissional em se manter atualizado. Comece aprofundando seus conhecimentos nas metodologias ágeis de desenvolvimento.

3. Design Thinking: uma nova visão para derrubar velhas ideias

Já ouviu falar em Design Thinking? Trata-se de uma abordagem de inovação com foco nas pessoas, que valoriza a experimentação e com alto teor interativo. É uma nova forma de pensar no mundo dos negócios e que pode ser usada na TI para antecipar problemas de usabilidade em softwares, reduzir custos no processo de desenvolvimento e formular um plano de back e front-end alinhado não ao que a empresa quer, mas ao que os clientes realmente necessitam.

Quer um case específico à área de tecnologia da informação? O site Komuta, uma rede social para quem utiliza diariamente trem e metrô, foi criado por um time de desenvolvedores que usaram os processos de DT para compreender melhor os usuários do transporte público e descobrir o que eles, de fato, necessitavam em um app.

Quer conferir como ficou? Clique aqui e inspire-se utilizando o Design Thinking para alavancar seus projetos!

4. ITIL: o mantra do desenvolvedor, analista de sistema, gerente de TI…

ITIL (Information Technology Infrastructure Library) é o framework para gestão de serviços de TI mais utilizado atualmente no planeta. Trata-se da mais abrangente biblioteca de documentação orientada às melhores práticas de TI, o livro sagrado de todo profissional da área que almeja o sucesso. Por aí já dá para perceber que não se trata de pouca coisa.

Os conceitos do ITIL asseguram maior controle sobre as operações, reduzem custos e riscos, elevam o nível de qualidade, aumentam a satisfação do cliente e promovem o alinhamento estratégico entre o negócio e a TI.

5. Conecte-se ao mundo futurista da Internet das Coisas

Há quem profetize que Chief IoT Officer será o próximo grande posto da carreira de TI. Também pudera. Com evolução dos sensores e o barateamento das interfaces analógicas e digitais, a possibilidade de fazer com que objetos transmitam dados e informações de operação para outros, formando um imenso ecossistema computacional (casas, carros e móveis controlados por um computador ou sistema central, capaz de tomar decisões baseadas nos dados coletados) está cada vez mais distante dos filmes de ficção e mais próxima das nossas mãos.

Inserir tecnologia em produtos diversos significa que a TI terá de aprender a trabalhar de forma harmônica com inúmeras outras áreas, como engenharia, arquitetura e design. Também significa aprender a enxergar as verdadeiras necessidades dos consumidores. É também perceber uma unicidade entre seres humanos e objetos que hoje é inimaginável. E, é claro, usar o planejamento de TI para viabilizar essa nova perspectiva de mundo. Você é ambicioso? Então vale a pena ir conhecendo mais sobre este assunto!

Quer continuar se atualizando e amadurecendo sua carreira de TI? Então conheça agora 6 fatores que você não pode ignorar em sua gestão de TI!

Conheça mais sobre o que a Gaea pode fazer por você!

Deixar Um Comentário