fbpx

O que você precisa saber sobre metodologias ágeis de desenvolvimento

Você sabe o que são metodologias ágeis de desenvolvimento e quais benefícios elas podem trazer para o seu negócio? Neste artigo você entenderá esse importante conceito da área de Tecnologia da Informação e saberá como implementá-la na sua equipe, ganhando agilidade e produtividade. Acompanhe!

O que são metodologias ágeis de desenvolvimento?

Como o próprio nome diz, as metodologias ágeis são alternativas ao modelo tradicional de desenvolvimento de software. Elas são usadas para acelerar a construção de soluções tecnológicas e têm por objetivo a melhoria contínua dos processos, trazendo avanços de comunicação e interação entre a equipe e os usuários, mais organização para o alcance de metas, diminuição de erros e retrabalhos, mais colaboração e, sobretudo, respostas rápidas às mudanças. Tudo isso favorece a geração de mais produtividade para os desenvolvedores, além de redução de custos e até mais satisfação com o trabalho.

Novas maneiras de administrar as equipes de TI em projetos de desenvolvimento de software são geradas em função das metodologias ágeis, fazendo com que os usuários sejam participantes na construção das soluções.

Quais são as principais metodologias ágeis de desenvolvimento?

Há várias metodologias que são conhecidas como ágeis. As mais populares são:

DSDM

Abreviação de Dynamic Systems Development Method, ou metodologia de desenvolvimento de sistemas dinâmicos, DSDM é conhecida como a metodologia de desenvolvimento ágil original. É a base em todos os princípios que denominamos ágeis.

Ela objetiva o envolvimento constante dos usuários e seu uso promove a entrega dos softwares no tempo e no custo estimados por meio de controle rígido e ajustes durante a construção.

Scrum

O Scrum é a metodologia de desenvolvimento ágil mais popular, que se concentra principalmente sobre como gerenciar tarefas dentro de um ambiente de desenvolvimento baseado em equipes.

A popularidade do Scrum decorre de sua relativa simplicidade de implementação. Muitas questões de gestão que lhe preocupam serão facilitadas.

Com essa metodologia, os projetos são divididos em ciclos, geralmente mensais, chamados de Sprints, nos quais um conjunto de atividades deve ser executado. Em cada projeto, as funcionalidades a serem implantadas são mantidas em uma lista (product backlog) criada em uma reunião de planejamento e distribuída a cada membro da equipe conforme suas capacidades.

Diariamente a equipe faz reuniões, chamadas de Daily Scrum, para trocar conhecimento e informações geradas no dia anterior, identificar dificuldades e elencar as prioridades recentes.

Ao final de um Sprint, o time de desenvolvimento apresenta as funcionalidades implementadas  e esse processo segue até que os objetivos sejam alcançados. Então, inicia-se o planejamento do próximo Sprint. O ciclo volta a se repetir até o final do projeto.

XP (Extreme Programming)

A Extreme Programming (XP), ou programação extrema, em português, é considerada a metodologia ágil de desenvolvimento mais radical de todas. Ela é utilizada com mais frequência no processo de engenharia de software e aborda a análise, o desenvolvimento em si e as fases de teste com novas abordagens. Todas essas etapas fazem uma diferença substancial na qualidade do produto final.

Essa metodologia baseia-se em uma série de valores fundamentais que a equipe deve seguir à risca — comunicação, simplicidade, feedback, coragem e respeito — além de princípios como economia de tempo e recursos, qualidade etc. Esse último item é fundamental e amplamente utilizado durante todo o projeto, a fim de tornar as entregas produtivas, evitando falhas, erros e retrabalhos.

Quais são os benefícios das metodologias ágeis de desenvolvimento de software?

Confira agora os 8 principais benefícios e entenda por quais motivos eles são fortes razões para considerar a utilização de metodologias ágeis de desenvolvimento de software na sua empresa:

1. Engajamento das Partes Interessadas

Metodologias ágeis oferecem múltiplas oportunidades para as partes interessadas — você, sua equipe de trabalho, cliente e usuários — antes, durante e depois de cada Sprint. Ao envolver o cliente em todas as etapas do projeto, existirá um alto grau de colaboração entre ele e a equipe do projeto, fazendo com que a visão dos usuários seja compreendida, o que é fundamental para a entrega de uma solução assertiva e com a qualidade esperada.

2. Transparência

Uma abordagem ágil significa uma oportunidade única para os clientes estarem envolvidos em todo o projeto, priorizando recursos para iteração de planejamento e revisão frequente. No entanto, isso também requer que os clientes entendam que eles estão vendo um trabalho em andamento, ou seja, trata-se de ter transparência no projeto.

3. Entrega previsível e rápida

Com as caixas de tempo, Sprints, horários fixos e outros itens, novos recursos serão entregues rapidamente e obedecendo uma frequência, com um elevado grau de previsibilidade. Isso também permitirá liberar ou “beta testar” o software antes do planejado, fator que melhorará a produtividade e a agilidade do projeto.

4. Custos previsíveis e controláveis

Como cada Sprint tem uma duração fixa, o custo é previsível e limitado à quantidade de trabalho que pode ser realizado pela equipe no período. Combinado com as estimativas fornecidas ao cliente antes de cada Sprint, o cliente poderá mais facilmente compreender o custo aproximado de cada recurso, o que melhorará a tomada de decisão sobre a prioridade de cada método e a necessidade de iterações adicionais.

5. Gestão de mudanças

Enquanto a equipe de desenvolvimento mantém o foco na entrega de um acordo, haverá uma oportunidade para refinar constantemente e evitar o atraso. As alterações poderão ser percebidas mais facilmente e serão capazes de ser planejadas e executadas de uma forma melhor e mais rápida.

6. Mais valor para o negócio

Ao permitir que o cliente possa participar da determinação das prioridades de recursos, a equipe entenderá o que é mais importante e tem mais assertividade, fornecendo o maior valor possível para o negócio.

7. Mais valor para os usuários

As metodologias ágeis de desenvolvimento comumente utilizam histórias de usuários com foco nos negócios e critérios de aceitação para definir as características do produto. Ao concentrar os recursos nas necessidades dos usuários reais, cada um deles fornecerá valor, não sendo apenas um componente de TI.

8. Melhorias na qualidade

Ao quebrar o projeto em unidades manejáveis, sua equipe poderá se concentrar no desenvolvimento de alta qualidade, fazer testes constantes e ser mais colaborativa. Além disso, a produção frequente proporcionará a realização de testes e avaliações durante cada iteração, o que também contribuirá para elevação da qualidade. Afinal, defeitos serão identificados e corrigidos de forma rápida, sempre tendo em vista a expectativa inicial.

Metodologias ágeis de desenvolvimento: por que adotá-las?

É importante frisar que as metodologias ágeis de desenvolvimento são extremamente bem-vindas, mas exigem uma remodelagem mental tanto dos gestores de projetos quanto da equipe em si. É preciso quebrar paradigmas e aceitar novas formas de trabalhar.

Ao adotar uma ou mais metodologias ágeis de desenvolvimento em um projeto, a equipe começará a lidar melhor com suas armadilhas mais comuns, tais como custo, cronogramas, previsibilidade e aumento de escopo. Haverá maior controle sobre esses obstáculos.

E você, já utiliza metodologias ágeis de desenvolvimento em seus projetos? Tem mais alguma dúvida sobre o assunto? Deixe seu comentário!

3 Comments

  1. Luan Borges 4 de abril de 2018 em 12:46- Responder

    Bom dia, sou aluno de Análise e Desenvolvimento de Sistemas, estou desenvolvendo um projeto para minha formação superior, queria saber se tem como disponibilizar a bibliografia destes maravilhosos textos sobre Desenvolvimento de Softwares em um contesto geral. Obrigado

    • infra 4 de abril de 2018 em 13:29- Responder

      Bom dia Luan, todos os textos são produzidos por nós mesmos. Você pode utilizar o nosso próprio site como referência bibliográfica. Ficamos felizes por podermos te ajudar com os nossos materiais.

    • Matheus Cavalheiro 4 de abril de 2018 em 13:30- Responder

      Bom dia Luan, todos os textos são produzidos por nós mesmos. Você pode utilizar o nosso próprio site como referência bibliográfica. Ficamos felizes por podermos te ajudar com os nossos materiais.

Deixar Um Comentário