fbpx
Vale a pena fazer terceirização do desenvolvimento de software?

Vale a pena fazer terceirização do desenvolvimento de software?

Cuidar do desenvolvimento de software e do andamento geral das operações que envolvem tecnologia na empresa, gerenciar o time de TI, “apagar incêndios” ou tratar assuntos de relevância com outras áreas de negócio são atividades que envolvem a rotina de quem está à frente de um departamento de TI.

Ter uma área de TI estável e ágil para atender a demandas pontuais simultaneamente (característica Bimodal) é uma aspiração cada vez mais frequente nas organizações, mas pode não ser nada fácil consegui-la sem os recursos e o apoio adequados.

Dentre muitas outras responsabilidades, esses fatores podem acarretar pressão intensa, dado o acúmulo de atribuições e o tempo, muitas vezes, escasso. E aí entra uma questão intrigante: será que vale a pena terceirizar o desenvolvimento de software?

Para te ajudar a analisar isso, este post levanta uma reflexão sobre a forma como essa medida influencia a rotina do setor de TI. Continue a leitura!

Razões para terceirizar o desenvolvimento de software

Em diversos momentos, a necessidade de colocar algum produto no mercado com rapidez ou prover determinada área de negócio com uma solução que a ajude a fazer o mesmo é grande e, então, o gestor se depara com mais desafios.

Da mesma forma, a cobrança por desenvolver ou mesmo lançar um software sem perder o time-to-market, ao mesmo tempo em que se administra o restante para que nada sofra instabilidades ou problemas de descontinuidade, pode chegar a ser apavorante.

Nesses casos, é comum e válido pensar em soluções que possam facilitar o dia a dia do departamento de TI, bem como simplificar e agilizar o cumprimento desses processos — o que é de grande utilidade para gerir o cenário.

Agora, veja como a terceirização do desenvolvimento de software pode ajudar o seu departamento nessas questões:

Agilidade e maior segurança no time-to-market

Começando pelo lado mais crítico, tempo é fator decisivo na hora de pensar na terceirização desse tipo de serviço.

Contratar uma empresa capacitada para ajudar na tarefa torna o desenvolvimento mais ágil e até mais seguro. Isso porque você terá especialistas trabalhando exclusivamente no projeto em questão, apresentando resultados a cada etapa, sem comprometer o fluxo dos demais trabalhos da área.

Assim, atingir a conclusão do software esperado no prazo solicitado torna-se algo muito mais certo de acontecer, sem gerar correrias ou tumultos que possam afetar a produtividade geral.

Dessa forma, mantém-se um time muito mais centrado, com cronogramas em ordem, fluxos de trabalho mais ajustados e, também, maior certeza do time-to-market.

Menos “dores de cabeça”

Vigiar o desempenho de uma equipe de desenvolvimento, bem como a rotina de testes, o controle de qualidade, os feedbacks e todo o ciclo de desenvolvimento enquanto lida com as atribuições rotineiras de sua função não é uma coisa simples.

Os obstáculos no trabalho são geralmente frequentes e a capacidade analítica de todo gestor pode ficar comprometida com tamanha sobrecarga.

No entanto, a diminuição de problemas e agravantes nesse gerenciamento também pode ser contemplada na terceirização do desenvolvimento de software.

Cobrar qualidade e cumprimento de prazos também pode se tornar uma tarefa mais leve, além de evitar possíveis conflitos entre a equipe, quando se conta com uma equipe terceirizada.

Isso porque o pessoal envolvido nessa função foi ali designado especificamente para aquele fim e está prestando um serviço a um cliente, assim como você presta aos seus (sejam eles internos ou externos). Essa equipe estará, portanto, pronta a entregar os melhores resultados. De tal modo, sua percepção sobre o processo torna-se muito mais desenvolta, já que você sabe o que esperar dele.

Assim, a autonomia para exigir é maior, a fluidez do processo é superior e a liberdade em instituir diligências é mais nítida. A situação seria diferente se você fosse lidar com funcionários fixos da sua equipe — que estariam com um alto fluxo de tarefas e receberiam uma pressão maior ainda, o que poderia diminuir os rendimentos da sua empresa.

Soma de know-how

Trazer uma equipe especializada para contribuir com a empresa pode ser extremamente benéfico ao andamento dos processos que envolvem novos desenvolvimentos e a gestão dos procedimentos presentes no setor.

Isso não subtrai ou subestima a capacidade interna, mas antes complementa esforços para atingir resultados mais rápidos e suprir áreas carentes com maior facilidade.

O time de TI continua trabalhando com foco total nas tarefas que majoritariamente desenvolve e conta com apoio externo para os períodos de mais aperto.

Assim, o gestor e as áreas delegadas também conseguem dar maior atenção às questões primordiais do setor e focar no negócio, melhorando a performance de toda a equipe e abrindo espaço para o crescimento da empresa de uma forma geral.

Economia no desenvolvimento do software

Diminuir custos com TI é outra vantagem de apostar em uma empresa de confiança para terceirizar os serviços de desenvolvimento que não dependam exclusivamente do controle da equipe interna ou do próprio gestor.

É certo que essa não deve ser a maior — nem a única — razão pela qual se escolhe esse caminho. Mas, desde que os fatores qualidade e agilidade venham à frente, ou seja, desde que se tenha um parceiro confiável e competente para executar as tarefas, essa é mais uma razão motivadora para apostar na opção de terceirizar.

Pode ser mais caro aumentar o time, contratar mão de obra temporária ou promover um estiramento da equipe própria somente para atender a projetos específicos, sem contar o desgaste com o processo de seleção, treinamentos e possíveis desligamentos depois.

Nesse ponto, a previsibilidade de gastos vinda com a vantagem da terceirização, juntamente com a eficiência e a rapidez que essa escolha traz aos processos de desenvolvimento, é uma aposta de sucesso para grande parte das empresas.

Além do mais, as vantagens de aderir ao conceito de outsourcing de TI não param por aí! Otimizar investimentos controlando verba para áreas estratégicas, agregar potencial de fora à empresa e até mesmo diminuir a incidência de falhas são outros dos muitos benefícios dessa prática.

E então, entendeu melhor os impactos que a terceirização do desenvolvimento de software pode causar na rotina de seu departamento de TI? Agora, para receber mais ajuda sobre o assunto, entre em contato conosco!

ContatoPowered by Rock Convert

Deixe um comentário