Assim como em outras funções, a boa gestão de TI precisa de algumas características específicas para funcionar com perfeição. É claro que certos projetos demandarão uma maior flexibilidade ou rigidez, mas, em geral, existem preceitos que podem te ajudar a ser um profissional melhor. Confira alguns deles neste artigo:

Estude sempre!

Não existem áreas em que o estudo seja desnecessário, mas para a tecnologia ele é um fator essencial. Um bom gestor de TI não deve pensar que após sair da universidade não precisará mais estudar, pois esse é um setor que sofre constantes modificações, sempre encarando diversas novidades.

Para continuar se aprimorando após a faculdade, podem ser tiradas certificações como o ITIL ou o COBIT, além do MBA em gestão de TI. Cursos livres como os da Microsoft — oferecidos gratuitamente — também são uma boa pedida, assim como ler revistas, blog posts e materiais ricos sobre o assunto para se manter atualizado.

Além disso, cursos com outras temáticas, mas que agreguem valor ao seu currículo podem ser de grande valia. O diretor de TI no Sierra Club, Dave Simon, falou sobre o assunto dizendo que o seu chefe sugeriu o aprendizado de contabilidade, o que lhe proporcionou resultados magníficos.

Após o término, Simon obteve um maior conhecimento sobre os negócios da empresa, o que gerou muito mais credibilidade nas conversas com o setor de finanças. Ou seja, após tanto estudo, você não será visto apenas como um bacharel ou um técnico: você será um profissional completo!

Gestão de TI: gestão de pessoas

É preciso ter em mente que como gestor você precisará lidar bastante com pessoas — talvez até mais do que com máquinas! Pensando nisso, é fundamental desenvolver três pilares:

Saiba ouvir e motivar

Ouvir o próximo é de suma importância para qualquer relação interpessoal bem-sucedida. A boa gestão de TI é feita com um ótimo entendimento da situação antes de dizer o que deve ser feito. Afinal, ninguém precisa de um bate-boca desnecessário.

Depois de finalizar o trabalho, o gestor precisa saber como dar o feedback à sua equipe de uma maneira saudável e inspiradora. Isso porque um grupo motivado e entrosado fica mais satisfeito e consegue desempenhar com maestria os projetos futuros.

Saiba detectar e manter futuros talentos na instituição

Depois de encontrar algum profissional jovem e talentoso, a gestão de TI deve manter-se atenta à rotina de trabalho do recém-contratado. Não deixe-o por conta própria, supervisione-o, tire suas dúvidas, ofereça um ambiente amistoso e bastante segurança.

Caso ele realmente dê indícios de que se tornará aquilo que se espera, incentive-o e dê algumas injeções de ânimo para que o talento almeje crescer dentro da organização. E, claro, seja carinhoso com os seus pupilos. Talvez a sua empresa tenha um futuro Steve Jobs que só precisa ser lapidado!

Seja um mediador de conflitos

Se até mesmo os casais mais apaixonados já tiveram as suas discussões, por que o seu time não pode ter? Às vezes, elas são até saudáveis, mas é importante entender o limite e ser bastante racional para controlar a situação caso ela se torne algo desagradável.

Líder exemplar

Esse poderia ser um dos itens do tópico anterior, mas vale a pena destacá-lo. Afinal, se o gestor tem todas as características interpessoais supracitadas, ao menos há um quê de líder dentro dele. Mas também é preciso que ele seja claro e objetivo nas suas decisões, se tornando um bom influenciador e desenvolvedor de ideias e soluções.

Além disso, a gestão de TI deve pensar em dar o exemplo à sua equipe sobre alguns quesitos importantes, como o impacto da tecnologia nos negócios. Se você começar a entender a visão da diretoria, usuários, fornecedores etc., futuramente será possível antecipar as demandas desses setores.

Logicamente, a sua staff começará a perceber a importância de ter uma visão que englobe a TI junto dos assuntos empresariais e provavelmente alguns tentarão se espelhar em você. Aproveite e incentive aqueles que queiram seguir essa linha para que todo o seu time cresça em conjunto!

Entendimento do negócio

Falamos do pensamento integrado e, talvez você não tenha notado, mas ele é similar à trajetória do Dave Simon, citado no início do texto, lembra? Pois é, não repetimos a temática à toa, afinal, a gestão de TI precisa saber sobre esse tipo de assunto por um motivo bastante simples.

Como dissemos, a junção dos dois conhecimentos pode antecipar a demanda, facilitar o diálogo entre dois setores diferentes, mas, principalmente, porque você poderá sugerir inovações tecnológicas! Com a visão de ambas as partes, saber que tipo de soluções de TI trarão benefícios para a empresa se torna uma tarefa muito mais fácil.

Gerenciamento da tecnologia

Falamos muito de pessoas, mas pensar na tecnologia também é de suma importância. É preciso olhar para os bancos de dados, sistemas operacionais, aplicativos, dispositivos, entre outros, sempre pensando no que será melhor para o funcionamento interno da instituição.

A gestão de TI precisa saber como analisar as métricas de performance para definir o que está funcionando bem, o que pode ser modificado, eliminado etc. Trabalhando dessa maneira, os profissionais da área conseguirão prever quando algo poderá apresentar algum defeito e solucionar o problema antes que ocorra uma pane geral.

Proatividade

Um conselho que serve para qualquer trabalhador, mas em especial para os gestores. É preciso que esse profissional seja capaz de se preocupar com o departamento de TI, mas sem deixar de observar os outros, visando melhorar o relacionamento entre as equipes e fazendo um intercâmbio entre elas, uma boa maneira de realizar essas melhorias é a aplicação da cultura DevOps e também a metodologia TI bimodal.

Mas o trabalho não para por aí. Também é necessário ter uma certa preocupação com os concorrentes. Deve-se verificar quais são as ações e medidas tomadas pelos players do mercado para que a sua empresa esteja sempre à frente, conquistando resultados ainda melhores.

Entendeu que tipos de habilidades você precisa ter para fazer a melhor gestão de TI possível? Ficou com vontade de saber mais? Então que tal assinar a nossa newsletter? A partir dela, será possível ficar por dentro de todas as novidades acerca do mundo da TI!