Realizar o gerenciamento de containers é uma tendência que surgiu em 2005 e, segundo pesquisas, veio para ficar. A previsão é de que 50% das empresas utilizem esse tipo de aplicação até o fim do ano de 2020, e você não pode ficar de fora dessa inovação.

Mas, já sabe o que significa um gerenciamento de containers? Compreende quais são os benefícios para a sua empresa e como incluir essa tendência na organização? Se não, está na hora de descobrir!

Leia este artigo e entenda mais sobre como montar uma estratégia de gerenciamento de containers para a sua empresa!

Afinal, o que é o gerenciamento de containers?

O mercado demanda cada vez mais agilidade e eficiência quando se fala em soluções em TI. É aí que o conceito de gerenciamento de containers entra como um grande aliado das organizações.

O container é, basicamente, um ambiente isolado no qual é possível criar aplicações. Ele funciona como um container físico, porém em ambiente virtual, no qual é possível inserir todos os comandos e outros elementos relevantes para a produção de um software.

Por que você deveria investir em um gerenciamento de containers na empresa?

Mas, será que o gerenciamento de containers é realmente vantajoso para a sua empresa? A resposta para essa pergunta é sim! Entenda agora o porquê:

Coloca a sua empresa à frente da concorrência

Como você pode perceber, o gerenciamento de containers é uma das tendências em empresas de TI da atualidade. Portanto, quando você investe nesse processo dentro do seu negócio, mostra para o mercado que está conectado com as suas demandas e principais novidades da área, criando um diferencial competitivo para a sua empresa e se destacando da concorrência.

Aumenta a produtividade

Os containers já estão prontos para o desenvolvimento de aplicações. Dessa forma, quando a sua equipe de TI passa a utilizar essa tecnologia, ela se torna mais produtiva, uma vez que não precisa mais configurar ambientes específicos para o desenvolvimento da solução.

Reduz custos

O aumento da produtividade da equipe de TI já gera redução nos custos da empresa, porque os colaboradores são capazes de investir o tempo em tarefas mais estratégicas, que efetivamente geram resultados para a organização.

Porém, a economia na gestão de containers não para por aí. Quando você utiliza esse processo na empresa, também consegue reduzir o número necessário de colaboradores para gerar uma solução e eliminar diversos problemas de comunicação e gargalos nesse processo. Dessa forma, diminui uma série de custos para a empresa como um todo.

Está em sintonia com a cultura DevOps

Você já está familiarizado com a cultura DevOps, não é mesmo? Afinal, ela permite que você aproxime a equipe de Desenvolvimento e a de Operações de forma a tornar a comunicação e o trabalho em conjunto mais fluido e eficiente.

Dessa maneira, quanto mais estratégias conectadas a essa cultura você implementar, melhor. E o gerenciamento de containers entra como uma delas, dando suporte para que você coloque em prática as demais metodologias ágeis para real implementação do DevOps dentro da empresa.

Como montar uma estratégia de gerenciamento de containers eficiente?

Agora que você já sabe o que é o gerenciamento de containers e qual a sua importância dentro da empresa, é hora de entender como colocar isso em prática. Continue a leitura e descubra as nossas dicas de ouro nesse aspecto!

Pense na segurança

Assim como outras ferramentas de TI, é essencial que você pense na segurança para realizar um bom gerenciamento de containers. Isso significa que é preciso que isole os volumes de forma a impedir o acesso de pessoas não autorizadas ou de vírus e outras ameaças.

Invista em monitoramento

O monitoramento é um outro passo fundamental para uma gestão de containers eficiente. Isso significa que você deve acompanhar os indicadores e as métricas dessa solução utilizando, para isso, ferramentas integradas.

Ainda, fique atento ao monitoramento em diferentes níveis. Além de acompanhar as atividades do container, também é essencial que você invista em um monitoramento a nível de serviço.

Leve o armazenamento em consideração

Os containers são transitórios, o que significa que eles só existem enquanto estão sendo utilizados e, após esse processo, são centrifugados. Desse modo, é essencial que você invista em um armazenamento externo das informações e dados desenvolvidos nesse ambiente, para que eles possam continuar existindo e sendo utilizados após o fim do container. Para isso, aposte em estratégias para desassociar os dados do container.

Automatize a rede

Os desenvolvedores precisam ter acesso à flexibilidade e portabilidade do que é desenvolvido no ambiente do container. Para isso, é essencial automatizar a rede. Portanto, leve isso em consideração no momento de implementação de uma gestão de containers eficiente dentro da sua empresa.

Faça a orquestração do container

A orquestração do container é um dos passos centrais para uma gestão eficiente. Isso porque ela funciona como o cérebro do sistema, capaz de integrar as informações e soluções desenvolvidas, fornecer infraestrutura necessária para o trabalho e distribuir as cargas de forma equilibrada.

Pense no ciclo de vida do container

Como você já sabe, o container é um ambiente para o desenvolvimento de uma solução e, por isso, apresenta um ciclo de vida curto. Ainda, ele conta com uma grande capacidade de expansão, de acordo com o suporte necessário.

Portanto, é essencial que você pense e planeje o ciclo de vida do container para um gerenciamento eficiente. É possível automatizar esse elemento da gestão utilizando integração contínua e outras ferramentas de automatização disponíveis.

Neste artigo, você entendeu mais sobre o conceito e a importância do gerenciamento de containers para a sua empresa. Também descobriu dicas de ouro para montar uma estratégia eficiente e aproveitar todos os benefícios que essa solução pode oferecer, como a redução de custos e o aumento de produtividade, e ainda a criação de um diferencial competitivo para a sua empresa e implementação da cultura DevOps na organização. Assim, coloque tudo isso em prática agora mesmo!

Aproveite para seguir a Gaea nas redes sociais. Estamos cheios de novidades no Facebook, Twitter e LinkedIn!