Os benefícios do DevOps têm se destacado muito nos últimos anos. Por isso, diversas organizações buscam por essa estratégia na hora de construir equipes de desenvolvimento mais eficazes.

Mas você sabe quais são as reais vantagens do DevOps? Mesmo que a agilidade na entrega de software seja um dos pontos mais comentados sobre o assunto, existem muitos outros benefícios.

Neste post, nosso objetivo é trazer para você, gestor, uma visão mais completa acerca do DevOps e explicar por que é tão interessante investir nessa estratégia, destacando as suas várias qualidades. Acompanhe!

O crescimento do DevOps

Antes mesmo de falar sobre suas vantagens, é preciso entender por que a abordagem DevOps está em um crescimento constante. Por meio dessa estratégia, muitas empresas estão gerando mais valor para o seu negócio e times de desenvolvimento. Nesse caso, mais agilidade significa mais resultados, ao mesmo tempo em que não se abre mão da qualidade. Além disso, o time ganha em independência para atuar e tem menos estresse diário em suas atividades.

Outro ponto muito interessante nessa abordagem é a aproximação entre o time de operações e o de desenvolvimento, que anteriormente eram responsáveis por outras atividades e tinham uma comunicação restrita. Ou seja, no modelo antigo, sempre que o time de desenvolvimento precisava realizar um deploy (implantação de software), era preciso enviar os arquivos alterados para a equipe de operações que realizaria a publicação no servidor.

Já em uma cultura DevOps, o processo de deploy funciona de forma automatizada, utilizando-se de alguma ferramenta de integração, como o Jenkins, e garantindo uma entrega contínua.

Os benefícios do DevOps

Agora, que você já tem um determinado conhecimento acerca do DevOps, vamos entender quais são os principais benefícios dessa abordagem.

1. Segurança

Nos últimos anos, houve um grande aumento no número de ataques virtuais, sendo que os cibercriminosos estão cada vez mais refinados em suas técnicas, utilizando de toda e qualquer brecha para invadir aplicações e roubar dados. Ao aplicar uma cultura DevOps, pode-se rastrear e garantir a conformidade de código, mantendo um padrão de qualidade esperado dentro da segurança da informação.

2. Agilidade nas entregas

Entre as vantagens mais conhecidas do DevOps, está a agilidade e a integração contínua. Isso é possível graças à automatização do processo de publicação de software em produção. Por meio de ferramentas de implantação de sistemas, é possível publicar de forma muito mais simples e rápida todas as alterações de código realizadas pelo time de desenvolvimento.

3. Aumento da confiabilidade

Outro ponto muito interessante da cultura DevOps é o aumento da confiabilidade. Isso se dá devido ao registro e ao armazenamento de logs de desenvolvimento, contendo toda e qualquer alteração realizada em código. Sendo assim, sempre que um erro for identificado em produção, é possível rastreá-lo rapidamente apenas verificando os logs dos arquivos envolvidos, aplicando as correções e publicando o novo código.

Além disso, o aumento da confiabilidade também é derivado da automatização de testes, que são rodados sempre que uma nova integração é realizada. Isso garante uma minimização nos riscos de erros em produção.

4. Colaboração entre equipes

A comunicação interna é fundamental para o sucesso do desenvolvimento de software, uma vez que as equipes são formadas por vários profissionais de áreas diferentes. A ausência desse contato pode levar a problemas, atrasos e até mesmo a prejuízos devido à falta de entregas. A integração promovida por uma estratégia DevOps acaba eliminando essa situação.

Todo o time de desenvolvimento é aproximado, desfazendo barreiras que poderiam criar ruídos de comunicação entre os vários profissionais envolvidos, como analistas, desenvolvedores, testers, entre outros. Assim, todos podem observar as atividades realizadas pelos outros integrantes dos projetos e dos times, organizando melhor o seu trabalho e garantindo a entrega.

5. Redução de custos

O desenvolvimento de software foi, por muito tempo, considerado uma atividade cara, não apenas pela tecnologia, mão de obra especializada e ferramentas exigidas para o trabalho, mas também pelos problemas ao longo do processo. Por meio da metodologia DevOps, vários aspectos do desenvolvimento de software são melhorados, como feedback, comunicação, integração, entre outros. O resultado disso é uma redução no tempo de entrega, mais qualidade do produto final e mais resultado.

Isso tem um impacto direto sobre o custo da implementação de sistemas, já que existe uma redução significativa de erros, que demandariam tempo de trabalho dos times, adequações pela falta de comunicação e retrabalho, poupando recursos que podem ser redirecionados para novos projetos ou incrementações.

A aplicação do DevOps

Aplicar o DevOps não é algo difícil, porém, demanda um determinado conhecimento. Por conta disso, o ideal é contar com profissionais especializados ou com uma empresa de consultoria para auxiliar nesse processo. Contudo, vamos dar algumas dicas que podem facilitar a implementação.

Defina um plano de implementação

Antes de realizar qualquer mudança, é preciso planejar muito bem todas as alterações para garantir que nada sairá errado. Por mais normal que essa atitude pareça, é exatamente aqui que a maioria dos projetos fracassam. A implementação da cultura DevOps exigirá esforço e tempo de todo o time, sendo assim, é preciso criar um planejamento em conjunto, dividindo todas as responsabilidades entre os membros da equipe. Além disso, a evolução é constante, o que exige sempre uma atualização dos objetivos e metas.

Mantenha os times alinhados

Outra dica na hora de implementar o DevOps é alinhar, de verdade, todos os times envolvidos no desenvolvimento. Os colaboradores devem estar cientes das mudanças que ocorrerão e precisam participar dessas alterações, dando ideias e sugestões de forma livre.

Foque nas pessoas

As ferramentas são muito importantes dentro de uma cultura DevOps, pois facilitam o trabalho e garantem a agilidade de muitos processos, porém, o foco dessa estratégia sempre serão as pessoas. Sem uma boa comunicação entre os colaboradores, nem as melhores soluções e tecnologias poderão garantir que os resultados esperados sejam alcançados.

Tenha consciência do processo

Conhecer os processos de deploy e desenvolvimento existentes na empresa é fundamental para aplicar o DevOps, pois é preciso saber em que pontos deve-se iniciar as mudanças e descobrir o que realmente funciona. A organização das informações auxilia nessa tarefa.

Tome cuidado na hora de automatizar

A automatização é um processo-chave em DevOps, mas deve-se tomar muito cuidado sobre o que automatizar e o que manter manual. Por conta disso, o know-how de determinados profissionais é tão interessante, pois auxilia a determinar o que verdadeiramente deve ser automatizado. Em um primeiro momento, foque apenas nas tarefas mais repetitivas e simples, para só depois de algum tempo buscar trazer a automatização para atividades mais complexas.

Chegamos ao final de mais um post! Esperamos que os benefícios do DevOps tenham ficado claros para você, assim como as dicas para iniciar a implementação.

Quer saber mais sobre esse assunto? Temos o post certo para você! Confira o nosso guia completo sobre cultura DevOps!